Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Introvertida

Introvertida. Intuitiva. Sentimental. Perceptiva.

15
Set21

A Importâcia de Relativizar

Trabalho num colégio. Privado. E descobri que lidar com pais é mais difícil que lidar com hóspedes. E se saí da hotelaria por saber que não tenho perfil para lidar com hóspedes, muito menos o tenho para lidar com pais.

Nestes últimos três meses tenho-me deparado com tudo o que desprezo na nossa sociedade: egoísmo. E dispenso comentários do género "não és mãe, não sabes...". Sinto-me abismada quando penso na má preparação que estas crianças terão para o mundo futuro. Os pais criam bolhas de segurança à volta dos filhos. Não podem acordar cedo para ir para a escola, não podem ficar na escola tanto tempo à espera do transporte escolar, não podem apanhar um pingo de chuva. Se a comida é assim é porque é assim, se é assada é porque é assada... Os meninos são esquisitos, não comem qualquer coisa (que por sinal é comida caseira e muito boa!) e querem refeições à medida ou trazer de casa diariamente potes de massa sem valor nutricional. Miúdos com idade para serem independentes são tratados como bebés, bonecas de porcelana. Para não falar da idolatria que os pais mostram em relação aos filhos, como se fossem a última batata frita do pacote.

Há crianças a morrer à fome! Há crianças que nem vão à escola!

Estou farta desta tentativa de submissão dos outros através do capital, através de uma pretensa altivez e de um quase bullying psicológico por parte de quem acha que os seus trocos compram tudo. E não, não me habituo. Isto não pode ser considerado normal. Não pode ser tido como norma!

FAAAAARTAAAAA!!!!!

Claramente sou empurrada para este tipo de emprego vezes e vezes sem conta. Um desafio à minha paciência. Haverá algo a aprender. Com certeza.

daqui

27
Ago21

Bom Dia e Bom Fim de Semana

... que vou preparar novos posts. Esta semana foi intensa no trabalho. Muita agitação, muitos preparos para a rentrée e ainda agora começou, que o mês que por aí vem só vai ser mais violento.

Aproveitem o vosso tempo, não fumem destas coisas que só vos causa ansiedade e cabelos brancos. Vivam NO presente, fixem o mar, o céu, o rio, as árvores, as nuvens, os animais... Inspirem, a não ser que sejam ansiosos, aí aconselho a que experiem mais... Não projectem um futuro que é sempre incerto e desconhecido nem remoam acções passadas porque não podem ser apagadas e a culpa e o remorso, além de não pagarem dívidas, só causam doenças.

social media.jpg

24
Ago21

Mesquita Masjed-e Shah

Um dos sítios mais bonitos que tive o prazer de visitar foi a Shah Mosque em Isfahan. O vídeo abaixo mexe com as minhas hormonas e dou por mim com lágrimas nos olhos.

O tecto do santuário central tem uma altura de cerca de 36 metros. Contudo, a cúpula chega aos 51 metros no exterior. O espaço vazio entre as duas estruturas é responsável pelos ecos que ressoam em todo o santuário quando nos posicionamos num quadrado marcado no chão imediatamente por baixo do centro da cúpula.

Com ajuda de Lonely Planet.

daqui

20
Ago21

Bom Dia

Pela primeira vez em algum tempo me sinto bastante ansiosa. As vezes que tenho tido ansiedade tenho-a sabido controlar minimamente e não me tem afectado o sono.

Ontem, no trabalho, interagi com uma criança muito irrequieta que me esgotou a energia. Senti mesmo uma diferença enorme do antes para o depois daqueles 30 minutos de interacção. Sinto uma pressão no peito como se o ar que inspiro não fosse suficiente para encher os pulmões. Todo o meu corpo estremece com o bater do meu coração como se este se sentisse aprisionado e estivesse farto de me manter viva.

As pessoas olham para mim, de sorriso esforçado nos olhos e piada sempre pronta a sair, sem saberem o quanto preciso de um abraço.

anxiety mantras.jpg

19
Ago21

Bom Dia

Já viram... Vivemos na nossa cabeça, na nossa bolha, estamos sempre a pensar na nossa vida ou na dos outros, no que temos de fazer ou não fazer, ter ou não ter. Mas nunca, ou raramente, analisamos a forma como pensamos sobre nós próprios, e descuramos a forma como nos tratamos. Agimos contra a nossa essência porque temos medo de não ser aceites.

E vocês? Quão mal se tratam?

khalil gibran.jpg

Mais sobre mim

Fórum Saúde Mental Portugal

A Ler

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D