Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Introvertida

Introvertida. Intuitiva. Sentimental. Perceptiva.

29
Nov21

Ás de Paus

29 Novembro - 5 Dezembro

Uma mão, que surge de uma nuvem, segura uma vara, que brota, como que oferecendo uma nova oportunidade ou ideia com potencial para crescer. A paisagem rica e verdejante é uma afirmação dessa capacidade de crescimento. À distância, à esquerda, um castelo representa a promessa de oportunidades que estão por vir, e colinas e montanhas alinham-se no horizonte. Os seus picos ondulantes relembram-nos que haverá sempre desafios ao longo do caminho mas, sempre superáveis.

Esta carta traz puro potencial no reino espiritual e energético. As ideias fluem, motivam e inspiram-nos a seguirmos um novo caminho. Estamos abertos a receber novas oportunidades que se alinham com o nosso Eu Superior. Todo um mundo de possibilidades está disponível. O Ás de Paus incentiva-nos a seguir o coração e a viver a nossa paixão.

A vara que brota e a paisagem fértil são indícios positivos de que uma ideia tem o potencial de se transformar em algo gratificante e energizante. Devemos usar energia criativa e paixão para dar os primeiros passos. No entanto, os ases representam resultados potenciais, mas não garantidos. O Ás de Paus é uma semente que ainda não cresceu nem se tornou em algo substancial ou sustentável. A oportunidade oferecida é muito promissora, mas caberá a cada um de nós maximizá-la a longo prazo.

O Ás de Paus mostra uma oportunidade de crescer a um nível pessoal ou espiritual. Podemos estar interessados em fazer um curso ou investir em algo que alimente o nosso espírito criativo.

Com apoio de Biddy Tarot

22
Nov21

3 de Paus

22 - 28 Novembro

O Três de Paus retrata um homem vestido com uma túnica vermelha e verde, em pé num penhasco e de costas voltadas. Três varas estão firmemente plantadas no chão, revelando um compromisso do homem com os seus planos. Ele deixou o conforto do castelo no Dois de Paus e está agora num vasto espaço aberto olhando para o mar e para as montanhas distantes. Observa a passagem de três barcos, símbolo de movimento e progressão. Do seu ponto de vista privilegiado, ele pode ver tudo o que está por vir incluindo quaisquer oportunidades e desafios futuros. Enquanto o Dois de Paus se debruça sobre o planeamento de um lugar seguro e confortável, o Três de Paus mostra que os seus planos agora estão bem encaminhados e, considera ainda, mais oportunidades para expansão e maximização do seu potencial. Tudo pogride de forma constante e conforme o esperado graças à sua sólida preparação e empenho contínuo.

O Três de Paus sinaliza as muitas oportunidades disponíveis para ampliação de horizontes através de estudos, viagens, negócios e aprendizagens. Para aproveitar esse potencial, devemos manter um comprometimento com o nosso caminho e estarmos preparados para ir além da nossa zona de conforto. É uma boa altura para pensar e planear com grandeza.

Esta carta também chama a atenção para mudanças e desafios que estão para vir. Dado que o homem nesta carta pode ver ao longe, é, então, provável que já estejamos cientes dos próximos desenvolvimentos e obstáculos e podemos preparar-nos com antecedência. 

Dada a imagem da terra e do mar, o Três de Paus pode apontar para uma viagem, especialmente para o exterior ou sobre um corpo de água, incentivando a um sentimento de aventura em lugares desconhecidos.

Com o apoio de Biddy Tarot

15
Nov21

Valete de Paus

15 - 21 Novembro

O Valete de Paus mostra um jovem que segura um longo bastão com as duas mãos enquanto olha para as folhas verdes que brotam no topo. A sua túnica está adornada com salamandras, uma criatura mítica associada ao fogo e à transformação. Fica parado, com o seu bastão firmemente apoiado no chão, sugerindo que, embora se inspire no potencial de crescimento representado pelo bastão, ele ainda não tomou nenhuma acção com base nessa inspiração.

Ao fundo, a paisagem é árida e montanhosa, o que implica que este Valete tem o dom de ser capaz de encontrar crescimento e potencial nos locais mais improváveis. Sente-se energizado pelas suas ideias, que pode fazer qualquer coisa acontecer não se sentindo limitado pelas suas circunstâncias.

Com o Valete de Paus, sentimo-nos tentados a dar uma hipótese a qualquer coisa. Abraçamos a oportunidade de começar uma nova jornada ou projecto e ver no que dará. Não temos, necessariamente, um plano sólido nem sabemos realmente para onde vamos, mas sentimo-nos animados com as possibilidades.

Embora esta carta indique uma inquietação criativa, o Valete está parado e o seu cajado está firme no chão - ele ainda não vai a lugar nenhum. Ainda é necessário pegar na centelha criativa e aterrá-la na realidade para que esteja pronta para ser implementada no reino físico. É preciso mapear uma estratégia ou testar ideias ou fazer experiências antes de nos comprometer.

Esta carta pode aparecer quando um caminho espiritual ou jornada nos pode estar a chamar. Estamos abertos a essa experiência e ansiosos para descobrir novos níveis de consciência.

Com o apoio de Biddy Tarot

08
Nov21

Cavaleiro de Paus

Semana 8 - 14 Novembro

O Cavaleiro de Paus monta o seu cavalo, com armadura completa. Veste uma túnica amarela decorada com salamandras (associadas ao elemento fogo) e um capacete com plumas vermelhas flamejantes que fluem atrás dele. Na sua mão direita segura uma varinha, com brotos, simbolizando a sua energia e o seu entusiasmo pela sua missão. O cavalo ergue-se nas patas traseiras, pronto para a acção. Como todas as cartas do naipe de Paus, o fundo é quente, seco e árido, com montanhas que se elevam à distância.

Enquanto o Valete de Paus marca a centelha inicial de uma nova ideia, o Cavaleiro mostra a verdadeira busca dessa ideia. É uma carta de energia, paixão, motivação e entusiasmo e sugere-nos que canalizemos essa energia através de acções inspiradas. O Cavaleiro tem uma visão clara sobre o que deseja criar e, movido pela paixão e inspiração, avança a passos largos para transformar a sua visão em realidade. Esta carta é um sinal de encorajamento.

O Cavaleiro de Paus é ousado e corajoso e está disposto a aventurar-se em território desconhecido para promover a sua missão e os seus sonhos. O perigo é excitante e emocionante. Aventuras iluminam-no porque sabe que o crescimento e o desenvolvimento o espera. Vale a pena arriscar de forma planeada. Sob esta luz, o Cavaleiro de Paus dá-nos a sensação de que podemos conquistar o mundo! Conforme perseguimos os nossos objectivos, a nossa confiança dispara e percebemos que o nosso potencial é ilimitado. Podemos fazer qualquer coisa!

A paixão, o entusiasmo, a coragem e a confiança que demonstra são bastante atraentes para os outros. Embora ainda não domine a arte de trazer as outras pessoas para a sua jornada, gosta da atenção extra que o seu carisma e aventuras lhe trazem. A questão será se os outros podem acompanhá-lo ou se estão apenas ali para observar e absorver a sua energia.

O Cavaleiro de Paus é um tipo de pessoa que age primeiro e pensa depois. Pode ser impulsivo e impaciente, esperando que tudo seja feito para ontem. Enquanto explode de energia, tende a precipitar-se sem levar em conta as consequências das suas acções. Pode não ter um plano de ataque claro, prejudicando as suas hipóteses de sucesso a longo prazo. Aquando uma nova ideia, em vez de agirmos imediatamente, reservemos um momento para verificar se ela realmente se alinha com nossos objetivos e se essa ideia precisa acontecer de imediato.

Com o apoio de Biddy Tarot

01
Nov21

Três de Pentáculos

Semana 1 - 7 novembro

O Três de Pentáculos mostra um jovem pedreiro que trabalha com as suas ferramentas numa parte de uma catedral. Consigo, dois arquitectos seguram a planta do projecto. Os tectos altos e as complexas gravuras significam que tanto o pedreiro como os arquitectos são hábeis nos seus respectivos ofícios. O pedreiro parece discutir o seu progresso com os arquitectos e, embora seja menos experiente, eles valorizam a sua opinião e conhecimento especializado. A linguagem corporal deles insinua que o contributo do jovem é essencial para a conclusão da catedral e, os arquitectos querem ter certeza de que todos estão a trabalhar para o mesmo objectivo.

O pedreiro não poderia construir a catedral sem a ajuda dos arquitectos, e estes não poderiam construí-la sem o pedreiro. Cada pessoa tem um papel importante a desempenhar e, quando se reúne como uma equipa, esta pode criar algo muito mais significativo do que se realizasse o projeto por conta própria. Portanto, quando o Três de Pentáculos aparece numa leitura, é um sinal de colaboração com outras pessoas, criando sinergias para alcançar grandes resultados.

Esta carta representa o valor de diferentes ideias e níveis de experiência em colaboração. Mesmo que as suas origens, níveis de experiência e especialização sejam muito diferentes, reúnem-se para compartilhar as suas percepções de forma a criar sinergia e a melhorar o produto acabado. Não há "nós e eles" ou qualquer senso de superioridade. Em vez disso, cada pessoa tem algo a oferecer e está disposta a aprender com os outros. Todos realizam o seu trabalho colectivamente e contribuem para o grupo, ouvindo e compartilhando activamente. Ao trabalhar com outras pessoas é preciso reconhecer o valor que cada pessoa traz para o projecto. Nós também aprenderemos com cada membro da equipa ao ver sua contribuição única.

O número Três marca um estágio inicial de implementação que segue a fase de ideia do Ás e a etapa de planeamento do Dois. Sabemos o que desejamos criar: traçámos o plano, reunimos recursos e começamos a trabalhar. Ao implementar os nossos planos, iremos perceber que possuímos as habilidades, as capacidades e os recursos necessários para cumprir objetivos. O Três de Pentáculos é um encorajamento e confirmação de que estamos no caminho certo. Somos competentes e estamos a progredir. Alcançar objectivos significativos requer um planeamento detalhado.

Com o apoio de Biddy Tarot

18
Out21

10 de Pentáculos

Semana 18 - 24 Outubro

O Dez de Pentáculos mostra um homem idoso de cabelos brancos que veste uma túnica ornada com bordados, sentado com dois cães brancos a seus pés. Um casal mais jovem está perto com uma criança pequena. O homem é um patriarca rico que alcançou muito durante a sua vida e está imensamente satisfeito por agora poder compartilhar a sua riqueza e abundância com os seus entes queridos. Os seus sucessos e realizações proporcionam, agora, segurança financeira e certeza para toda a família. Ele já pode e consegue ver o legado que criou.

O homem e a sua família reúnem-se no pátio de um grande castelo, que marca a sua prosperidade, conforto e segurança financeira. No arco estão os brazões e bandeiras da família, um símbolo da sua história e ancestralidade. A sua riqueza vai muito além do conforto material; o homem e a sua família têm uma conexão profundamente enraizada com a sua linhagem, lar e comunidade.

Este é um sinal positivo de que atingimos um ponto de conclusão e realização na nossa jornada. Esta sensação de realização é, provavelmente, o resultado de uma carreira de sucesso, investimentos financeiros inteligentes, um ambiente doméstico estável e um possível relacionamento comprometido e de longo prazo. Acumulámos riqueza e abundância através de trabalho árduo e dedicação e, agora, podemos saborear e compartilhar essa riqueza com outras pessoas. Esta é uma daquelas cartas que prometem que tudo dará certo e que teremos orgulho de tudo o que conquistámos.

Quando o Dez de Pentáculos aparece numa leitura, estamos rodeados de riquezas e abençoados com abundância financeira. Não há querer mais, temos tudo o que precisamos, especialmente no reino material. Estamos financeiramente seguros e sabemos que, por causa dos nossos sucessos e realizações pessoais, teremos sempre o que precisamos e desejamos. Esta carta reflecte estabilidade e a criação de uma base duradoura para o sucesso futuro. É uma carta de compromisso com um futuro sustentável, levando em consideração não apenas os ganhos de curto prazo mas, também, os benefícios a longo prazo.

O Dez de Pentáculos indica que nos sentimos compelidos a partilhar os nossos sucesso com as outras pessoas para garantir que também se sintam bem cuidadas. Somos o ganha-pão, trazemos segurança e estabilidade financeira para a nossa família, garantindo que tenham tudo o que precisam para viver uma vida feliz e confortável. 

Esta carta relembra-nos, também, a importância da família. Estar cercado pelas pessoas que amamos traz alegria e felicidade. Saber que podemos confiar na família e que ela estará lá para nós.

Com o apoio de Biddy Tarot

11
Out21

Ás de Espadas

11 - 17 Outubro

O Ás de Espadas mostra uma mão luminosa que surge de uma nuvem branca, uma representação do Divino. Segura uma espada, na vertical, símbolo da mente e do intelecto e, na ponta da espada, uma coroa envolta numa grinalda, sinal de sucesso e vitória. Embora este Ás seja um sinal de triunfo, a irregularidade das montanhas ao fundo sugerem que o caminho a ser feito será um desafio. Será precisa muita resiliência mental para percorrer esse caminho.

Esta carta marca uma onda de energia vinda do reino intelectual. Podemos estar à beira de um avanço significativo ou de uma nova maneira de pensar que nos permite ver o mundo de forma clara. Ou podemos ter uma percepção repentina ou compreensão consciente sobre um problema que nos tem incomodado e podemos, finalmente, ver o caminho à nossa frente. A meditação regular pode ajudar a dissipar a agitação mental e a tirar o máximo proveito deste potencial intelectual.

Esta carta é um sinal de encorajamento. Diz-nos que a nossa mente está em 'modo de expansão'. Estamos abertos para abraçar novas ideias, ansiamos por estímulos e aproveitaremos as oportunidades para aprender algo novo. Prosperamos com novas ideias, com inspiração, pensamentos e visões originais e ficamos animados para procurar novas oportunidades que se baseiam nas nossas habilidades criativas e intelectuais. Quando o Ás de Espadas aparece numa leitura, informa-nos que agora é um excelente momento para iniciar um novo projeto - que requer intelecto, habilidades de comunicação e poder mental. 

Como podemos aproveitar a motivação desta carta e agir com base nas suas novas ideias? Como um Ás, estamos no início de uma jornada mas podemos sentir que a energia se acumula e mal podemos esperar para começar. Se canalizarmos essa energia para as acções e os movimentos certos, teremos sucesso. O caminho pode ser acidentado e podemos, e devemos, esperar desafios. Uma mentalidade de sucesso ajuda-nos a navegar por esses obstáculos com facilidade.

Como acontece com todas as cartas de Espadas, o Ás representa poder mas a espada é uma lâmina de dois gumes, o que implica que ela pode criar e destruir. A mensagem é clara: com poder vem responsabilidade. Caberá a nós decidir como aproveitar a oportunidade para o bem maior de todos, em vez do poder egoísta ou agressivo. Precisamos ter um coração e uma mente fortes e conseguir ver a melhor forma de usar este nosso poder para servir os outros e a nós mesmos.

O Ás de Espadas também nos incentiva a procurar a verdade e encontrar justiça. Podemos defender uma causa ou defender os nossos direitos ou os direitos de outras pessoas. Podemos ter uma nova ideia pela qual estamos preparados para lutar, ou podemos, apenas, sentir-nos entusiasmados com um assunto que nos apaixona. Temos clareza e podemos argumentar o nosso ponto de vista com verdade e convicção. Estamos prontos para a batalha.

Com o apoio de Biddy Tarot

Mais sobre mim

A Ler

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D