Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Introvertida

Introvertida. Intuitiva. Sentimental. Perceptiva.

20
Jul22

Animal Favorito

Um animal em específico ou um tipo de animal?

O gato Cocas é o meu animal favorito. É fofo, é querido, é mimoso. É lindo!

No geral gosto muito de animais. Tenho uma pequena aversão a animais rastejantes ou com muitas patinhas mas já tolero lagartos. Até já conheci um que gostava de festinhas...

Os únicos bichos em que não penso duas vezes antes de exterminá-los são pulgas e percevejos (com os quais já tive de lidar diversas vezes). E só de pensar no assunto fico cheia de comichões...

Em resposta ao desafio da Ana de Deus.

Untitled design.png

ilustração criada em Canva

17
Jul22

Escreve sobre algo que alguém disse sobre ti que nunca esqueceste

Há muitas coisas que não esqueço e, honestamente, são todas negativas...

Em criança, que era uma das piores pestes que se podiam encontrar na escola. Por uma professora.

Como jovem adulta, que "por isso é que ninguém gosta de mim". Por um colega de trabalho.

Em adulta, que sou racista e xenófoba, que sou uma influência negativa e arrasto os outros comigo. Por uma chefe de equipa.

Gosto de conseguir passar por entre os pingos da chuva. Passar despercebida para fugir a qualquer tipo de comentário, bom ou mau. Mas há pessoas que procuram e encontram sempre qualquer coisa para comentar e maldizer.

Contudo, não posso deixar de mencionar que há umas semanas fui alvo de um elogio que, acredito, mudou a visão que os meus colegas de trabalho de outros departamentos tinham, erradamente, de mim. Apesar do elogio, deixou-me triste o facto de que às pessoas lhes basta uma impressão superficial de alguém para criar opiniões. E digo isto porque somos uma equipa pequena, com tempo e espaço para nos conhecermos um bocadinho melhor.

Em resposta ao desafio da Ana de Deus.

rainbow.JPG

ilustração criada em Canva

05
Jul22

Quem me controla?

Pergunta original: Am I in control or is my anxiety?

Não sei. Estou em piloto automático a maior parte do tempo. Tenho momentos em que me sinto relaxada mas acabo por me aperceber que afinal não é bem assim. Noto pela forma como me alimento, na rapidez, na compulsividade e sofreguidão com que levo comida à boca. Pela falta de controlo na gula.

Antes roía as unhas e arrancava peles, batia a perna. Hoje pareço calma. O olho de um furacão mas o coração palpita rápido, a mente irrequieta não consegue focar-se, coço a mão, coço o pescoço e não consigo chegar ao núcleo da questão. Ou consigo e apenas não quero ter de agarrar a ansiedade pelos cornos.

Não vale a pena enganar-me...

no lies.jpg

ilustração criada em Canva

05
Jul22

O Que Sentes Quando Escreves?

Se há coisa que não sinto quando escrevo é alívio.

Sinto-me mais organizada, sim. Mas não aliviada. Se calhar sinto um certo alívio por conseguir organizar as ideias.

Alívio poderia sentir quando todo o mundo conseguisse ouvir-me e sentir o que sinto. Falar alivia-me. Escrever não.

Tenho saudades de escrever à mão. E posso fazê-lo mas... Sinal dos tempos...

Na escola onde trabalho fico triste quando vejo a falta de capacidade motora de alguns miúdos para pegar numa caneta e escrever em caligrafia. As formas de escrever são todas iguais, impessoais e deformadas.

Resposta ao desafio da Ana de Deus.

imagem retirada daqui

Mais sobre mim

Outubro Optimista

A Ler

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D